Fundação do Câncer inicia venda antecipada para o McDia Feliz | Fundação do Câncer
DOE AQUI

Fundação do Câncer inicia venda antecipada para o McDia Feliz

Notícias

A Fundação do Câncer deu largada à venda antecipada dos tíquetes da campanha McDia Feliz. O valor arrecadado vai contribuir com o projeto de revitalização do ambulatório da Seção de Oncologia Pediátrica do Instituto Nacional de Câncer (Inca), que deseja transformar esse espaço em um ambiente lúdico e próximo à realidade dos pacientes. Coordenado nacionalmente pelo Instituto Ronald McDonald, o McDia Feliz será em 29 de agosto, último sábado do mês.

Cada tíquete custa R$ 14 e dá direito a um sanduíche Big Mac nos restaurantes McDonald’s na data do evento. Eles podem ser retirados na sede da Fundação do Câncer, no Centro do Rio de Janeiro, através de agendamento pelo telefone (21) 2157-4600 e pelo e-mail comunicacao@cancer.org.br. Além de pessoas físicas, empresas também podem contribuir em conjunto com seus funcionários.

Realizado anualmente, o McDia Feliz é um projeto do Instituto Ronald McDonald que destina a renda de sanduíches Big Mac vendidos em todo o país no último sábado de agosto para entidades de apoio à causa do câncer infantojuvenil. Além da venda antecipada promovida pela Fundação do Câncer em prol do Inca, 72 projetos de 58 instituições serão beneficiados este ano com o valor arrecadado no dia do evento. O câncer é a principal causa de morte por doença na faixa etária entre 5 e 19 anos.

“É com satisfação que participamos de mais uma edição da campanha McDia Feliz. Uma campanha importante, que envolve a participação da sociedade e que leva esperança de cura e controle do câncer a milhares de crianças em todo o país. Para nós, da Fundação do Câncer, é uma oportunidade de ampliar o apoio à Seção de Pediatria do Inca, neste caso especificamente à revitalização do ambulatório, contribuindo para continuidade do trabalho de excelência realizado no setor”, afirma Celso Ruggiero, diretor-executivo da Fundação do Câncer.

A parceria da Fundação com o Instituto Ronald McDonald, firmada desde 2002, permitiu a realização de projetos na Seção de Pediatria do Inca, como a criação de uma UTI destinada ao atendimento de crianças e adolescentes, a construção de um consultório oftalmológico, a criação e manutenção da Emergência Pediátrica e o Programa de Educação a Distância, destinado a crianças impossibilitadas de comparecer às escolas. O recorde das vendas antecipadas foi em 2012, quando 49.377 tíquetes foram vendidos pela Fundação do Câncer.

Sobre a Fundação do Câncer

A Fundação do Câncer (cancer.org.br) é uma instituição sem fins lucrativos que capta recursos e investe em prevenção, diagnóstico precoce, tratamento, programas e projetos relacionados a transplante de medula óssea e sangue de cordão umbilical, assistência, cuidados paliativos e pesquisa. Criada em 1991, tem como missão promover ações estratégicas para a prevenção e o controle do câncer em benefício da sociedade e apoiar o Instituto Nacional de Câncer (Inca) e todas as atividades do Programa Nacional de Controle do Câncer. Além disso, presta consultoria para estados e municípios do país para melhoria de processos no tratamento de câncer (Plano de Atenção Oncológica).

Sobre o Instituto Ronald McDonald

O Instituto Ronald McDonald é uma organização sem fins lucrativos cuja missão é promover a saúde e a qualidade de vida de adolescentes e crianças com câncer. Com 16 anos de atuação, a organização desenvolve e coordena Programas – Diagnóstico Precoce, Atenção Integral, Espaço da Família Ronald McDonald e Casa Ronald McDonald – que possibilitam o diagnóstico precoce, encaminhamento adequado e atendimento integral e de qualidade para os jovens pacientes e seus familiares.

Desde 1999, cerca de R$270 milhões foram arrecadados através de campanhas e eventos como o McDia Feliz, os Cofrinhos, o Invitational Golf Cup e o Jantar de Gala, e foram destinados para 116 instituições em todo o Brasil, entre hospitais, casas e grupos de apoio que lutam pela cura do câncer infantil e juvenil. Cerca de 2,8 milhões de crianças e adolescentes foram beneficiados nestes 16 anos de trabalho do Instituto Ronald McDonald.