Caso não consiga visualizar essa newsletter, clique aqui.

Com você, pela vida
Editorial

No próximo 29 de agosto é celebrado o Dia Nacional de Combate ao Fumo. Além de alertar a população dos males do tabagismo, a data estimula a reflexão do que temos feito para diminuir ainda mais o número de fumantes na nossa sociedade e como a questão tem sido tratada nas casas legislativas. A Comissão de Constituição e Justiça do Senado aprovou, em março deste ano, o projeto de lei (PL) 315 que extingue os chamados fumódromos, hoje tolerados pela legislação federal. No entanto, a tramitação do PL 315 encontra-se em ritmo lento, graças ao forte lobby da indústria do tabaco.


O princípio básico que norteia as câmaras legislativas é privilegiar o interesse coletivo. Por isso, espera-se que a Comissão de Assuntos Sociais do Senado aprecie o mais rapidamente o PL 315 para que ele possa seguir para a Câmara dos Deputados. O Congresso Nacional tem a obrigação moral de cuidar da saúde dos cidadãos e por isso não se pode admitir, em hipótese alguma, qualquer expediente que venha a desviá-lo de sua obrigação. Esta cobrança é direito e dever de todos os brasileiros.


Jorge Alexandre dos Santos Cruz

Superintendente da Fundação do Câncer



Notas

Marcos Moraes é premiado por ações de combate ao câncer


Dr. Marcos Moraes recebe o prêmio das mãos do vice-presidente José Alencar

O presidente do Conselho de Curadores da Fundação do Câncer, Marcos Moraes, foi homenageado no último dia 5 de agosto em São Paulo com o prêmio Octavio Frias de Oliveira, concedido pelo Instituto do Câncer do Estado de São Paulo (ICESP) e criado para reconhecer personalidades responsáveis por ações que endossem o combate ao câncer no país. Durante a cerimônia de premiação, Marcos Moraes destacou o exemplo dado pelo vice-presidente da república José Alencar, que lhe entregou o prêmio. Para o médico, a vivacidade transmitida por José Alencar, mesmo durante os períodos mais agudos do tratamento de seu câncer abdominal, ajuda a mostrar para o país que o câncer tem cura. “Quando personalidades como Alencar aparecem, as pessoas se sentem encorajadas a ir ao médico. Aumentam os diagnósticos precoces e as chances de cura”, afirmou.
Saiba mais

Enquete


Amazonas, Paraíba, Paraná, Rio de Janeiro, Rondônia, Roraima e São Paulo são estados que implementaram a lei que proíbe totalmente o fumo em lugares fechados. O objetivo da medida é reduzir os males causados pelo tabagismo passivo. Este mês, a enquete no site da Fundação do Câncer quer saber se a nova legislação está sendo cumprida. Queremos saber a sua opinião. Para participar, clique aqui.


Fundação realiza campanha de controle do tabagismo


“A falta de informação pode causar câncer” é o tema da campanha promovida pela Fundação do Câncer que alerta para os males do tabagismo. Um dos destaques é o hostsite www.cancer.org.br/lei-antifumo.
O espaço, voltado para as mulheres, mostra de forma interativa as chances de uma pessoa desenvolver várias doenças relacionadas ao cigarro, como cânceres, alergias e problemas cardíacos.


O primeiro passo para quem acessar é preencher um questionário sobre os hábitos em relação ao tabagismo. Além disso, é preciso informar também dados sobre a prática de exercícios físicos e de alimentação. Após a análise destas informações, o usuário tem acesso a uma página ilustrada, que mostra o corpo humano em detalhes e as chances de desenvolver doenças em cada órgão. O desenvolvimento do hotsite contou com a consultoria técnica da Divisão de Controle do Tabagismo do Instituto Nacional de Câncer (INCA).


Ficou curioso? Confira aqui.

Saiba mais


Câncer em debate na Casa do Saber


Começa no dia 3 de setembro na Casa do Saber o curso “Como você pode se prevenir contra o câncer na modernidade”. Os palestrantes que são considerados referências na área de oncologia – Claudia Naylor, Daniel Tabak, Gilberto Schwartsamnn, Luiz Santini, Marcos Moraes, Tânia Cavalcanti e Vivian Rumjanek – vão apresentar o quanto o estilo de vida saudável pode contribuir para a prevenção da doença. Ainda há vagas disponíveis. A renda obtida com as inscrições será doada integralmente à Fundação do Câncer.
Saiba mais


Compre tíquetes para o McDia Feliz


Até hoje, véspera do McDia Feliz, é possível comprar antecipadamente os tíquetes vendidos pela Fundação do Câncer para a campanha. Os recursos obtidos serão destinados à manutenção da emergência pediátrica do Instituto Nacional de Câncer (INCA). Este ano, o objetivo é vender os 51.600 mil tíquetes recebidos do Instituto Ronald. Cada tíquete – que custa R$ 8,50 – poderá ser trocado por um sanduíche BigMac em qualquer loja da rede McDonald’s no dia de realização da iniciativa.
Saiba mais



Projetos apoiados pela Fundação do Câncer

Pesquisa reforça advertência para embalagens de cigarro


No Brasil, as leis antifumo estão cada vez mais restritas, e o país foi um dos primeiros a obrigar a inclusão de imagens nos maços de cigarro com advertências sobre os riscos de fumar. Para avaliar os efeitos desta medida, a Fundação do Câncer, em parceria com a Faperj, o Capes, a Finep e o CNPq, apoia o projeto de pesquisa “Psicofisiologia da Emoção”. O estudo, coordenado por pesquisadores da UFRJ e UFF, analisa como essas imagens de advertência influenciam o consumidor emocionalmente e, a partir dos resultados, desenvolveu novas figuras, para causar ainda mais aversão ao consumo do tabaco. “As indústrias têm investido na embalagem para iniciar novos fumantes e repor aqueles que morrem em decorrência do vício” afirma Eliane Volchan, coordenadora da pesquisa.
Saiba mais



Informe-se

Programa trata dependentes em nicotina


Marta Mendonça, ex-fumante

A funcionária pública Marta Martins de Lima Mendonça começou a fumar aos 17 anos. Foram 30 anos de dependência, que chegaram a três maços por dia. Hoje, aos 47, ela está em tratamento para largar o hábito. “Agora tenho orgulho em dizer que sou uma ex-fumante”, afirma.


Marta é uma das beneficiadas do programa de tratamento para dependentes em nicotina, criado em 2000 pelo Ministério da Saúde. Elaborado pelo Instituto Nacional de Câncer (INCA), o programa já está disponível para todos os Estados, em postos de saúde e outras unidades de atendimento médico do SUS.
Saiba mais



Colabore conosco

Seja um doador da Fundação do Câncer. Com pequenas contribuições, você se torna uma peça importante na nossa luta constante de prevenção e controle do câncer. Clique aqui e veja as formas de aderir a essa luta.



Parceiros
Parceiros

A Fundação  /  Projetos  /  Doações  /  Em Rede  /  Eventos  /  Indique twitter

Colabore: (21) 3385-9922
www.cancer.org.br/doacoes.php

Expediente: Boletim eletrônico mensal da Fundação do Câncer

Coordenação editorial: Claudia Gomes, Diogo Mendonça e Renato Achutti

Redação e edição: SPS COMUNICAÇÃO

Diagramação: Prodweb

Política de Privacidade, clique aqui

Caso não deseje mais receber esse boletim, clique aqui e envie mensagem com o assunto "Remover".